Singularity – Capítulo 11

 

Primeira Queima

Os próximos dois meses foram muito ocupados. Eu cuidava das irmãs e trabalhava no mercado de ações durante o dia, participava de reuniões ou praticava luta com os vampiros a noite, e caía na gargalhada quando lia sobre vampiros e outras bestas míticas no meu quarto antes que o sol aparecesse. Marianne estava certa; eles pensavam que poderíamos ser destruídos por estacas e legumes. Que éramos morcegos!

Cartões da biblioteca são uma coisa linda, e eu usei o meu muitas vezes, então estava lendo também muitos outros tipos de livros. História, ciência, filosofia, obras de ficção e revistas de moda enchiam meu chão enquanto eu lia e processava todas as informações que haviam sido perdidas devido à minha memória. Minha mente absorvia tudo como uma esponja sedenta.

A atividade extra e ameaça iminente causaram que minhas visões ficarem desenfreadas. Com a prática, descobri que eu podia alternar entre o mundo do presente e o mundo do futuro possível com mais facilidade do que eu jamais pensei ser possível, especialmente quando eu estava lutando. Enquanto lutávamos, eu podia fazer minhas visões me mostrarem o próximo movimento do meu adversário, pouco antes que ocorresse. No começo, as imagens duplas eram difíceis de entender e me davam uma dor de cabeça aguda. Elas eram tão perturbadoras que perdi várias partidas antes de finalmente ser capaz de usar a rápida série de visões que cobriam o que realmente estava ocorrendo no momento para bloquear, desviar e atacar de forma eficaz. Mesmo um retrato do que estava chegando muitas vezes era o suficiente para enfrentar qualquer adversário. Era maravilhosamente divertido, especialmente desde que Gregorio achava a minha velocidade e habilidade particularmente irritantes.

“Como você faz isso?” Rosnou Gregorio depois de eu ter evitado o seu bote, abaixando-me entre as suas pernas, e pulando nas suas costas em um décimo de segundo.

“Você é grande demais para me pegar”, eu ri e pulei de suas costas, evitando o golpe que ele me deu. “Se você acha que eu luto bem, deveria me ver dançar. “

Marianne, Lena, e Annette estavam todas rindo atrás de nós. Gregorio estava mostrando as moças como utilizar o nosso tamanho menor para o nosso benefício, e minha coragem estava dando as meninas uma diversão sem fim.

“Sabe, é uma pena você não ter ficado no Sul, suas habilidades seriam verdadeiramente apreciadas lá em baixo”, riu Paul.

“Bem, eu poderia voltar se vocês não me quiserem aqui… ” eu respondi.

“Não, não, você é uma adição surpreendente boa para nosso pequeno grupo, ” Paul rapidamente alterou. “Eu estaria disposto a mantê-la mesmo se você não pudesse lutar; o seu dom para o dinheiro é suficiente para me fazer construir uma casa para você em Long Island. “

Ele estava tentando me juntar a um dos clãs da cidade desde que nos conhecemos. Graças ao seu dom, ele era muito convincente, mas eu simplesmente não podia me comprometer com um clã, não quando ele estava lá fora em algum lugar.

“Ooooh, uma casa é uma ótima idéia! Onde devemos colocá-la?” Eu brinquei.

“Próxima a nossa, é claro. Eu adoraria ter seus palpites por perto diariamente. Podemos até ser capazes de aturar seus hábitos irritantes, desde que você continue acertando no mercado. “

“O que você alguma vez fez sem mim?” Eu ri de volta.

“Ele faz mal, em sua maior parte, pelo menos em dinheiro”, provocou George, o outro melhor lutador no nosso grupo. “Sabe, para alguém tão pequeno, você certamente causa um monte de problemas. Eu nunca conheci um vampiro como você antes, é quase assustador o quão bem você luta. É um desperdício que não coma humanos, você poderia ser impossível de parar. “

“Sou impossível de parar sem a dieta à base de humanos, muito obrigada. ” Eu o tinha vencido duas vezes. Nós tínhamos discutido a minha dieta várias vezes nos últimos dois meses, porque eles queriam que eu estivesse forte para a luta, e eles se recusavam a acreditar que eu poderia ser tão forte como eles sem o benefício de sangue humano. Eu ouvi um sonoro “hem-hem” na direção de  Chi-Yang. Chi-Yang estava absolutamente certo de que eu estava prestes a apodrecer ou a cair morta sem uma dieta adequada, e estava realmente começando a incomodá-lo de que eu poderia lutar tão bem.

“Já descobrimos mais alguma coisa sobre os assassinatos?”, perguntou Michael, que eu descobri que tinha apenas quinze anos quando foi transformado. Ele estava agora com cerca de quatrocentos anos, e muito sério. O olhar de preocupação estava totalmente fora de lugar no rosto de menino.

“A polícia local pode chamar ajuda se não conseguirem descobrir quem está por trás de tudo. Eles ainda pensam que está tudo relacionado a máfia por causa das mortes feitas por ela que continuam a ocorrer. Estou absolutamente certo de que, se não encontrarmos uma resposta para isso em breve, teremos toda uma guerra em nossas mãos também “, respondeu um igualmente preocupado Paulo. O fato de que não havíamos chegado mais perto de encontrar qualquer um dos recém-chegados era muito frustrante para ele, e para todos nós. Tínhamos estado correndo constantemente por toda a cidade e já tínhamos pego todos os cheiros dos outros, mas eles pareciam desaparecer no ar quando chegávamos perto.

“Nós temos certeza que é um clã do sul”, perguntou Ivan. “Poderia ser os Volturi sabe.” Depois de viver entre os czares russos e durante a Revolução Russa, ele não confiava em qualquer forma de autoridade.

“Os Volturi não querem Nova Iorque, e somos aliados próximos deles no controle do crime organizado. Talvez devêssemos pedir sua ajuda, no entanto, ” respondeu Gregorio. Ele odiava quando alguém questionava os Volturi.

Minhas visões não estavam ajudando muito também. Eu podia ver imagens de nebulosas de intrusos, mas eu não consegui uma visão boa o suficiente para nos ajudar. Eu pensei que aquilo, talvez, fosse porque eu simplesmente não sabia o que procurar.

“Eu não quero trazer os Volturi se pudermos evitar”, disse Paul.

“Eu não confio neles para ficarem de fora do assunto depois de intervirem”, acrescentou Mai-Li. Nem ela nem seu parceiro confiavam nos Volturi, e a tensão era palpável entre eles e Gregorio.

“Vamos terminar as buscas hoje a noite, e então veremos o que podemos fazer para forçar uma mãozinha deles”, disse Paul. Ele não gostava de estar em uma posição mais fraca e forçando uma luta, mas parecia que os outros não iam se mostrar.

Fomos correndo pelo telhado para a periferia da cidade, e começamos a fazer o nosso caminho de volta para a cidade em direção à Times Square, em grupos de três ou quatro. Duas vezes o nosso grupo pegou um cheiro bom, mas o perdemos em uma abertura de esgoto. Os esgotos fizeram um bom trabalho em esconder qualquer cheiro deixado para trás. Era quase como se eles soubessem onde estávamos e o que estávamos fazendo.

Eu estanquei. E se eles sabem mesmo?

“O que foi Alice?”, Perguntou Brittany. Ela e Michael se aproximaram e cheiraram o ar pensando que eu tinha encontrado uma pista.

“Eu acho que nós fizemos isso tudo errado”, comecei devagar, a compreensão crescendo em mim. “Continuamos pensando que eles estão apenas tentando nos provocar e arranjar uma luta, mas e se eles não precisam?”

“O que você quer dizer?”, perguntou o sempre preocupado Michael, o olhar pensativo aprofundando em seu rosto.

“E se eles já souberem o que estamos fazendo? E se eles não precisam comprar uma briga, porque eles podem nos evitar a qualquer momento que eles quiserem, porque eles sabem onde iremos estar?”

“Um espião?” sussurrou Brittany.

“Sim, ou talvez um vampiro com um dom. Eles só precisam de um pouco de informação para serem capazes de nos evitar totalmente. ” Eu estava dividida, como sempre, sobre deixar que eles soubessem sobre a extensão do meu dom, mas eu simplesmente não consegui dizer-lhes toda a verdade. Eu ainda não me sentia como se fosse uma parte verdadeira da comunidade. “Se eu posso dizer o que irá funcionar com dinheiro, talvez alguém possa dizer onde iremos estar. Eu não acho que qualquer um de nós iria trabalhar com outro clã para assumir comando, não acham?”

“Isso aconteceu antes”, afirmou Michael. “Nós fomos traídos e atacado em todas as formas possíveis, então suas idéias têm mérito. Isso explicaria por que eles não nos atacaram diretamente, e como eles estão nos evitando. Há pelo menos sete ou oito pessoas, e provavelmente vários outros – você não toma Nova Iorque, a menos que você esteja preparado para uma grande luta – então isso explicaria como eles estão permanecendo escondidos. Eu vou terminar aqui, vocês duas voltem para Long Island e falem com os outros. “

“Ela veio com isso?” Rosnou Chi-Yang. Ele realmente não gostava de mim.

“Isso explica por que não podemos pegar esses outros”, Annette acalmou, “e talvez não seja um vampiro que se voltou contra nós, mas talvez um dos humanos que usamos. “

Paul estava em pé olhando para o teto e tentando se concentrar. Eu podia dizer que ele já tinha vindo com a possibilidade de um traidor pela sua expressão quando Brittany e eu o contamos da minha visão. Ele estava menos do que satisfeito em ouvir meus pensamentos.

“Bem, nós não podemos ficar suspeitando uns dos outros, precisamos estar unidos para combater este outro clã, e a suspeita é tudo que precisa para romper a aliança mais forte”, disse ele, olhando incisivamente para Chi-Yang.

“Eles vieram depois que ela chegou, talvez eles estejam ligados a nossa recém-chegada, ” Chi-Yang cuspiu de volta.

“Michael teria nos dito”, respondeu Brittany, em um tom frio. Ela e eu havíamos nos tornado próximas ao longo dos últimos dois meses.

Olhei para ela curiosamente enquanto ela falava. “O que Michael teria dito a vocês?”

“Que você estava mentindo para nós. Ele diz que nem sempre você fala toda a verdade, mas não há engano detectável em suas palavras, ” ela sorriu levemente como quem pede desculpas. “Ele pode detectar uma mentira. É por isso que ele foi transformado. “

“Eu nem sempre sei toda a verdade”, eu respondi de volta. Isso, pelo menos, foi mais verdadeiro do que eu queria que fosse.

“Devemos todos nos encontrar de novo aqui sexta à noite”, começou Paul, enquanto ele parecia pensar em sua próxima declaração, “e vamos trazer as duas opções. Está claro que podemos ter um dedo-duro ou um vampiro muito perigoso para lidar, e de qualquer forma, isso vai ser pago em uma luta. Brittany, você dirá a Michael o que estamos fazendo? Ninguém comente nada sobre isso fora desta sala”, ele olhou para os outros três e, em seguida, atirou-me um olhar penetrante. Eu não tinha notado o quanto a sua liderança tinha ajudado a maneira que eu sentia perto dele. Eu sempre senti segura em sua presença, mas agora o seu olhar perfurou através de mim e fez sentir-me infeliz. “Nós não precisamos dos outros para começar a suspeitar uns dos outros até que Michael e eu possamos resolver isso completamente. Não se preocupe Chi-Yang, não vamos deixar pedra sobre pedra”, ele respondeu ao rosnado baixo e gutural que vinha do peito de Chi-Yang. Ele estava encarando em minha direção.

Pela primeira vez em Nova Iorque, eu sabia que estava realmente em perigo.

Gastei os próximos dois dias passando por minhas atividades mais como uma máquina do que um ser vivo. Tardiamente, percebi o quão formidável o dom de Paul realmente era. Eu não tinha sequer pensado em apuros desde que se tornaram meus amigos, eu simplesmente confiava nele para fazer a escolha certa. Agora que ele não tinha certeza de mim, eu não conseguia ter certeza de mim mesma. Afetou até as minhas visões. Havia uma sugestão de algo no futuro, não uma visão, mas um crescente sentimento de perda. Sem uma visão de acompanhamento, era irritantemente frustrante tentar detectar porque o sentimento estava crescendo. Era a luta? O ódio óbvio de Chi-Yang por mim? A desconfiança de Paul? Alguém que eu conhecia vai morrer? O meu pensamento voltou às duas irmãs que moram abaixo.

Da parte delas, Edwina e Myrtle estavam contentes e felizes. Ao longo dos últimos três meses, a nossa riqueza tinha crescido exponencialmente, e Edwina estava radiante. Além disso, vários dos meus novos amigos vieram me visitar, principalmente por curiosidade, e conheceram as duas irmãs. Os homens tinham ultrapassado o número de mulheres, e Myrtle não poderia estar mais feliz. Eu me perguntava se eu devesse fingir um casamento só por ela, ela iria adorar.

Meus pensamentos, porém, voltavam para a única pessoa que eu nunca poderia realmente ver, mas nunca deveria perder. Eu entendia as visões dele melhor agora, graças ao treinamento de combate e lições sobre táticas de vampiro. Ele era um soldado que lutava contra outros vampiros, mas isso não era tudo. Ele se voltaria contra seus compatriotas algumas vezes, e os mataria em massa. Ele parecia lutar principalmente com recém-criados e, em seguida, matar aqueles que sobreviveram. O próprio pensamento me fez mal.

Quando Paul nos disse sobre as táticas assassinas dos clãs do sul, minhas visões do meu futuro companheiro entraram em detalhes nítidos. Ele odiava isso, odiava matar os novos, os que ele tinha lutado ao seu lado, mas mesmo assim ele o fazia. Por quê? A questão assombrava minha mente. Porque ele fazia isso, por que lutar, matar e destruir? O vampiro que eu amava era tão monstruoso e assassino como o clã de invasores.

Monstro – como eu odiava a palavra que descrevia quem eu via. Como esse ser precioso poderia ser um um monstro?

Eu não quis pensar sobre isso, então eu voltei minha atenção para a última Harper’s e folheei as páginas com raiva.

Era quase hora de ir. Eu decidi ir para Long Island mais cedo do que o necessário para encontrar qualquer que fosse o destino que estava reservado para mim. Eu tinha certeza de que se Paul ainda acreditasse em mim, eu continuaria a estar segura, mas eu já não podia ter certeza dos sentimentos de Paul em relação a mim. Eu não podia fugir, no entanto. Talvez a mais forte evidência do dom de Paul fosse o fato de que eu não podia nem considerar partir, mesmo com os clãs desconfiando de mim. Eu simplesmente não podia ir. Além disso, eu já sentia uma forte sensação de proteção por esses clãs. Como Charles tinha dito há muito tempo, somos bastante territoriais.

“Ei meninas, ” Eu chamei tão alegremente quanto pude enquanto eu desci, “Eu vou sair. Por favor, não fiquem acordadas por mim; eu não sei até que horas eu vou estar fora. ” Ou se vou voltar.

Os óculos enormes de Myrtle viraram-se para mim e sorriu. “Mais amigos? Você tem uma vida social intensa, Alice. É quase escandalosa”.

“É de fato”, concordou Edwina: “Você está mais próxima de se estabelecer com um dos cavalheiros? Myrtle e eu estamos muito preocupadas com sua reputação. “

Ótimo, agora elas estavam começando a se perguntar sobre a minha moral. Não importava que eu pudesse matar um estádio cheio de pessoas apenas por diversão, não, ficar fora até tarde como uma mulher solteira era moralmente errado.

“Não se preocupem comigo”, ri, “Eu posso cuidar de mim. ” E de qualquer exército que precise de ajuda. “Além disso, eu vou sair com Paul e Annette. ” As meninas os amavam.

“Ah, então se divirta querida”, falou Myrtle enquanto ela voltava sua atenção de volta para o rádio. Só então, percebi que elas estavam ouvindo um jogo de beisebol, e a visão me tomou.

Ele estava em um campo a noite, a lua cheia cintilava em sua pele, e pela primeira vez, ele parecia quase feliz. Havia alguns outros ao seu redor, mas tudo em que eu podia focar era o seu rosto marcado, e agora, finalmente, a vida iluminava os olhos. Ele estava girando um pedaço de madeira. “Vamos, Peter, você tem que fazer melhor que isso”, ele gritou com o borrão correndo.

A voz dele.

Era um grave profundo e ressonante. Era linda, ele era lindo. “Fora”, alguém gritou na minha visão, e o borrão loiro parou. Eu só podia discernir alguma coisa sobre uma bola branca pequena. “OK, Jasper Whitlock, faça você melhor”, disse o vampiro loiro enquanto andava de volta, e o socou forte enquanto passava.

Jasper Whitlock. Seu nome é Jasper.

Jasper pisou na placa, rodou o bastão mais uma vez, e depois lançou uma bola invisível com um crack estrondoso que soou como se quebrasse a madeira do bastão. A visão desapareceu.

De repente, eu não me importava com as guerras de clãs, vampiros psíquicos, ou se eu iria morrer. Eu não me importava com nada exceto com o que eu tinha acabado de ver.

Jasper. E ouvi a voz dele. Eu o ouvi!

Quando fui para os telhados de Nova Iorque, eu olhei para a lua quase cheia. A visão iria acontecer dentro de poucos dias. Era quase, não completamente, mas quase como se ele estivesse perto o suficiente para eu tocar, e o desejo teria me rasgado se não fosse pela alegria que agora assolava através de todo o meu ser. Eu odiava o fato de não ter a menor idéia de onde ele estava, mas me alegrei com a sua felicidade. Eu me alegrei em vê-lo agir como um vampiro normal, feliz. Me alegrei com seu nome enquanto eu o cantava sobre os telhados. Eu não acho que meus pés realmente tocavam o teto enquanto eu corria para encontrar o meu destino.

Parei logo na porta deles. Parte de minha mente estava gritando para eu fugir e tentar encontrar Jasper por conta própria, e parte dela tinha certeza de que Paul iria fazer a coisa certa. Lutei com ambas as partes enquanto eu estava lá e tentava desesperadamente conseguir uma visão de mim deixando a mesma porta, mas as coisas irritantemente erráticas não cooperaram.

Talvez tenha sido porque eu estava tão cheia de raiva que a minha ansiedade sobre a reunião estava obscurecendo a minha alegria com a visão. Simplesmente não era justo. Eu estava finalmente feliz com algo, e eu tinha que vir aqui.

“Alice!” Annette chamou-me feliz pela porta que abriu. Ela parecia totalmente à vontade, que eu melancolicamente tomei como um bom sinal. “Entre. “

“Me desculpe se eu estou um pouco adiantada, mas eu não tinha nada melhor para fazer, então eu pensei em aparecer. “

“Os outros estarão aqui em meia hora, por que você não vai chamar Michael e Brittany e mandá-los vir mais cedo? Eu sei que eles gostariam de passar alguns minutos com você. “

Eu me perguntei por que eles queriam estar aqui, e se era um bom sinal, enquanto eu discava o operador. O telefone tocou várias vezes sem resposta, então comecei a abaixar o receptor do telefone quando uma visão tomou conta de mim. Era Michael e Brittany, e eles estavam sendo rasgados e queimados por três assaltantes. Eu podia ver o cabelo escuro e pele azeitonada dos atacantes.

“Não!” Eu gritei. Em um instante, eu estava cercado por quatro vampiros em alerta.

“O que foi?” Exigiu Paul.

“Eu os v-ouvi gritando” Eu menti, “acho que eles estão sendo atacados. “

Sem mais uma palavra, os quatro vampiros estavam fora pela porta traseira e correndo pela floresta comigo seguindo. Menos de um minuto depois, estávamos na porta dos fundos da casa da Brittany. O cheiro de fumaça se revirava em minha volta como uma máquina de pânico.

Paul e Gregório arrombaram pela porta dos fundos com nós três meninas atrás deles. Houve um barulho agudo de rachaduras e um grito estridente vindo do cômodo da frente, e corremos para encontrar uma parede de fogo e uma pilha do que costumava ser Michael e Brittany no chão, atrás das chamas. Dois vampiros de cabelos escuros estavam em direção oposta à nossa frente rasgando o resto do corpo de granito de Michael. Um terceiro homem estava acendendo cada peça da mobília na sala com chamas usando uma vela comprida. Eles não estavam nem queimando os corpos primeiro, estavam deixando o fogo pegá-los lentamente.

“NÃO!” Eu gritei com todas as minhas forças, e tentei correr através das chamas para o rosto torturado da Brittany. Sua cabeça estava voltada para mim, e eu podia ver que ela ainda estava viva. Ela estava apavorada e em agonia, mas viva. Alguém me agarrou e me manteve no lugar de modo que eu não pudesse entrar nas chamas.

“Não podemos fazer nada agora! Temos de sair, e vingá-los mais tarde!” Annette estava me puxando para trás com a ajuda de Marianne. Raiva e tristeza tornaram sua voz em um rosnado rasgante.

Vingança.

De repente, minha mente podia ver os três vampiros correndo para a frente da casa. Eu precisava matá-los. Cada parte do meu ser estava focada na necessidade de rasgar e queimar os assassinos.

Tudo ao meu redor tornou-se uma névoa vermelha, e fez um bom contraste enquanto eu procurava a minha presa. Eu disparei pelos fundos, por onde viemos, rodeei os cantos e vim para a frente. Os outros estavam correndo comigo, cinco vampiros enfurecidos que iriam parar por nada menos que a destruição de nossos inimigos. Os assassinos estavam correndo o mais rápido que podiam para a cidade.

Ninguém poderia ter visto nem mesmo a nós ou nossas presas enquanto corríamos. Estávamos correndo como nunca o fiz antes, em uma caça diferente de qualquer coisa que eu já tinha experimentado. Forcei minhas visões para me dizerem para onde iam, querendo que elas me deixassem ter a minha presa como faziam todos os finais de semana. Funcionou! Os três estavam indo direto para a água e depois para a saída de esgoto perto das favelas.

“Eles vão entrar água e tentar chegar aos esgotos, ” Eu rugi para os outros.

“Você tem certeza?”, Perguntou Paul.

“Sim, eles vão tentar fazê-lo pelos esgotos nas favelas perto do cais. Eu sei. “

Paul sorriu: “Então, vamos vencê-los lá. Alice, você está conosco, Marianne e Annette, você continua à persegui-los e conduzí-los para dentro d’água. ” Com isso, ele se dirigiu para uma pequena vala que levava diretamente a um riacho de água. Nós nadamos para outra saída de esgoto através do rio e Paul nos levou através do sistema complicado. Todo o tempo, minha visão nunca vacilou; os tínhamos prendido. Esperamos até os três homens entrarem no tubo longo na nossa frente e podíamos ver Annette e Marianne se aproximarem na água, então atacamos.

Cada um de nós pegou um, e eu não me importava se eram maiores ou que minha vida estava em jogo. Eu era o predador e eles eram a minha presa, e eu iria vingar meus amigos. A fúria vermelha tomou conta da minha mente toda, e encheu com as visões que eu precisava para lutar. Eu encurralei o mais alto, mas o mais magro dos três, e começamos a rondar e atacar em um jogo mortal de gato e rato. Eu podia ouvir o rosnar e os gritos das outras duas lutas.

Meu próprio rosnado rasgou através de mim, e me fez mais forte. O túnel estava tremendo com os ruídos horríveis provenientes dos vampiros guerreando. Finalmente, eu vi a minha chance e falsamente ataquei pela direita, peguei a sua mão enquanto ele veio para cima e usei para atirar-me em suas costas tentando cravar os meus dentes em seu o pescoço. Seu braço me agarrou, mas eu segurei com minhas pernas e arranquei seu braço direito. Ele gritou em agonia e girou todo o seu corpo e me atirou na parede de tijolo do canal de esgoto. O tijolo cedeu e nos mandou uma avalanche de pedra e cimento, mas isso não importou. Saltei das costas dele e novamente consegui me aproximar apenas o suficiente para ele me atacar. Movi para a minha direita, peguei a outra mão, e avancei por baixo de suas pernas. Ele estava totalmente despreparado para o meu ataque incomum, e ele caiu no chão com um gemido. Torci o braço em volta, com uma pirueta quase perfeita, e o arranquei também. Então, eu pulei para o seu corpo, agarrei sua cabeça, cravei meus dentes profundamente em seu pescoço, e puxei com toda minha força. Com um estalo alto, sua cabeça soltou.

Eu continuei rasgando seu corpo além da minha raiva até que a mão de Gregorio me parou.

“Nós não precisamos de picá-los tanto assim. Pedaços grandes queimam tão bem quanto pequenos”, ele riu.

“Eu queria picá-lo fininho”, eu respondi entre dentes cerrados.

Olhei em volta, Paul e os outros estavam sorrindo para mim. Annette e Marianne cada uma segurava uma cabeça em uma mão e umas poucas partes de corpos na outra, e Paul estava recolhendo todo o resto em uma pilha. Eu não podia imaginar que eles estavam fazendo com as cabeças, até que eu vi a caixa de fósforos nas mãos.

“Alice agarre a outra cabeça e alguns pedaços daquele ali e traga aqui”, Annette instruiu.

Peguei o que pude e trouxe as peças se contorcendo para as meninas.

“O que estamos fazendo?” Eu perguntei. Agora que a luta acabou, a cena estava me dando uma sensação de mal estar.

“Nós vamos descobrir quem e o que eles são”, respondeu Gregorio com o olhar mais maligno em seu rosto que eu jamais tinha visto. O gigante gentil que eu tinha vindo a conhecer foi substituído por um vampiro assassino, e isso me assustou.

“Alice, você não precisa fazer isso com a gente, mas por favor, fique e observe”, disse Paul . “Esta é a pior parte de proteger a nós mesmos, mas devemos fazê-lo. “

Eu assisti em uma fascinação horrorizada enquanto eles colocavam as cabeças no chão viradas para cima. Eu não queria ver isso, mas eu não conseguia desviar o olhar, tampouco. Seja o comando de Paul ou a minha curiosidade mórbida, eu tinha que ficar e assistir. Cada face estava animada e grotesca enquanto torciam de dor. Em seguida, eles colocaram algumas partes do corpo na frente de cada cabeça.

“Eu preciso saber quem vocês são e que estão fazendo. Vamos queimar rapidamente qualquer um de vocês que nos disser o que precisamos; o resto vai sentir a chama em cada pedaço lentamente. Nós podemos levá-los para casa e queimá-los por semanas, se necessário. Eu vou fazer perguntas, vocês piscam uma vez para sim e duas vezes para não”, Gregorio ordenou.

Com isso, Gregorio começou a queimar um pedaço de um dos homens. A cabeça da direita fez uma careta e tentou gritar. Barulhos rascantes estranhos vinham de sua garganta despedaçada.

“Vocês estão aqui com um clã?” Ninguém piscou, então Annette e Paul pegaram mais fósforos e colocaram fogo em uma pequena parte dos outros dois. As cabeças começaram a se contorcer e espasmar e cada um por sua vez se virou. Quando as pequenas partes terminaram de queimar, Marianne apanhou as cabeças e Paul fez a pergunta novamente. Desta vez, a cabeça do meio piscou uma vez.

“Bom. Vocês são do México?” Uma piscada novamente.

“Quantos sobraram? pisquem o número. ” Ninguém piscou, mas pareciam tentar ver um ao outro. O padrão macabro de queima e contorção continuou várias vezes até que um do lado direito começou a piscar. Dezoito.

“Vocês estão trabalhando com alguém da cidade? Existe um delator?” O da direita piscou duas vezes.

“Que tal um vampiro com um dom?” Os rostos tentaram se olhar outra vez, e assim mais deles queimou. Nós tínhamos ficado nisso por quase quarenta minutos agora, e pela primeira vez na minha conhecida vida, eu me senti verdadeiramente doente.

“Dom?”, Alertou Paulo enquanto ele acendia outro fósforo. O da direita piscou uma vez.

“Ele pode ver o futuro?” Uma piscada.

“Vou deixar que vocês queimem e acabar com isso se vocês me disserem onde seus compatriotas estão se escondendo”, disse Paul, e ele começou a nomear os bairros de Nova Iorque e as áreas de Nova Jersey, que estavam nas proximidades. Demorou vinte minutos, e mais três partes do corpo, mas nós descobrimos que eles estavam nos depósitos antigos e abandonados de ferro, na fronteira de Nova Jersey e Nova Iorque.

Enquanto os corpos estavam queimando lá no esgoto e o forte cheiro enchia o ar, Annette veio e colocou a mão no meu ombro. “Eu sei que é doentio assistir isso, mas acredite, eles teriam feito isso com qualquer um de nós. Basta lembrar o que fizeram com Michael e Brittany. “

Eu nunca esquecerei o que eles fizeram. Eu nunca esquecerei o rosto dela, e eu nunca irei subestimar a ferocidade e extrema crueldade de minha espécie novamente.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s