“Certo, agora que todos estão aqui, devemos entregar os presentes?” Vovô disse.

Eu sorri com encanto. Mais presentes. Talvez fosse um pouco bobo eu gostasse de coisas que fossem me dadas com um papel brilhante e com alguma razão, mas parecia diferente. Especial.

“Oh, você gosta de presentes, né?” Emily disse. Ela soava como se estivesse tentando não rir. Eu assenti com felicidade.

“Ela já foi infinitamente mimada por nossa família essa manhã, ” disse papai. “Sua roupa inteira é nova. ”

Nós todos voltamos para a sala de estar. Emily se sentou no chão comigo, perto da árvore. Não haviam cadeiras suficientes na verdade. Vovô e Sue pegaram o sofá e Sam pegou a cadeira. Mamãe e papai ficaram perto da porta, e a cabeça da mamãe encostada no ombro dele. Leah ficou o mais longe deles que ela pôde, Embry e Quil também. Eles não eram acostumados ao cheiro de vampiros. Seth e Jake sentaram no chão comigo e Emily.

“Jake, porque você não é o Papai Noel?” Mamãe perguntou.

“Claro, ” ele disse, e pegou o primeiro presente. “Esse é para Bella, ” ele disse alto, e se inclinou para entregar o presente para ela. Ele não tinha que ficar de pé para alcançar.

“Obrigada, ” mamãe disse, e olhou para o pedaço de papel que estava preso. “Ah, pai, você realmente não deveria. ”

Vovô olhou como se ela tivesse chateado ele. “Você é minha filha, Bells, é claro que eu vou te dar um presente, ” ele disse.

Mamãe sorriu e tirou o papel de embrulho, que estava um pouco enrugado, como a testa do vovô, e uma brilhante cor vermelha, com fotos de árvores de Natal nele. Ela fez como eu, tirando a fita adesiva e não rasgando o papel. Dentro, haviam dois CDs. Papai tinha os dois no seu quarto lá em grande casa.

“Esse é o novo álbum?” Mamãe perguntou, fingindo não saber.

“Sim, você gosta de Linkin Park, certo?” Vovô perguntou.

“É claro que eu gosto. Você se lembra que Phil me emprestou aquele outro CD na primeira vez quando eu vim para cá? E Paramore, eu acho que já ouvi uma música deles. ”

Eu não gostava de Paramore. As músicas deles eram muito altas e havia muita bateria. Eu esperava que papai não os tivesse colocado no meu CD player. Eu olhei para ele e ele piscou rápidamente. Legal.

“Obrigada pai, ” mamãe disse, e ela se inclinou para frente sob o sofá para abraçá-lo. Ela não respirou. Emily parecia chocada.

“Próximo, ” disse Jake. “E esse é para Charlie. ” Ele se virou para entregar um presente ao vovô, mas não era o que o papai tinha colocado embaixo da árvore. Vovô abriu o embrulho; ele apenas rasgou o papel, não o tirando devidamente.

“Excelente, minhas iscas estavam acabando!” ele disse. “Obrigado… Hum, de quem é?”

“Meu, ” disse Sue. Ela sorriu um pouco. “Eu acho que você rasgou a etiqueta. ”

“Oh, ” vovô disse. “Obrigado Sue. ”

Eles sorriram um para o outro. Sue e vovô eram muito bons amigos. Sue sempre costumava ir com o vovô até a Casa Grande para visitar. Ela estava aqui algumas vezes quando nós o visitávamos também. Eu não gostava tanto da Sue como do vovô. Ela não gostava muito de vampiros.

“E agora temos um para… na verdade, eu não consigo ler isso, ” disse Jake. “Ele segurou o presente embrulhado em um tecido azul com uma fita rosa anelada amarrada em volta. “Alguma idéia, Charlie?”

“Esse é para Bella e Edward, ” disse o vovô.

“Da mãe, se a letra é algo que podemos decifrar, ” mamãe disse rindo. Ela parou um pouco rápido demais.

Isso era meio confuso, vovô sendo o pai da mamãe. Mas eeu não conhecia a sua mãe. Eu sabia que seu nome era Renée, como a primeira parte do meu nome, e eu sabia que ela vivia em um lugar chamado Jacksonville, onde estava sempre ensolarado.

Jake deu o presente à mamãe, que entregou para o papai e disse, “Primeiro presente dos sogros. Faça as honras. ”

“Sabe, a letra da sua mãe é pior do que a sua, ” papai disse calmamente, sorrindo enquanto tirava a fita rosa. Ele dobrou o tecido macio para trás, e dentro havia uma caixinha de papelão. Tinha um papel preso em cima, e mamãe se inclinou para ler.

*Todo casal recém-casado precisa de uma torradeira. Aqui está a de vocês, amor mamãe e Phil.*

“ Útil, ” mamãe disse a papai.

Seth, Embry, Quil, Jacob e mamãe todos começaram a rir (ela estava rindo mesmo dessa vez). Papai riu um pouco, Emily e Sue, Leah e Sam também sorriram. Vovô parecia um pouco confuso. Isso fez Jake rir ainda mais, e eu comecei a dar risadinhas porque ele parecia tão engraçado, rindo. Pequenas gotas de água começaram a sair dos olhos dele, mas ele não estava chorando, porque não estava triste. Isso era um pouco engraçado também.

“Continuando, ” disse Jake, uma vez que ele parou de chorar. Ele limpou a água com uma mão e pegou outro presente com a outra. “Para a Sue, do Charlie. ”

Era uma caixa grande, embrulhada com o mesmo papel vermelho com árvores de Natal desenhadas. Jake nem mesmo teve que se inclinar para entregar esse para Sue. Ela desembrulhou devagar, mas ela ainda assim rasgou o papel como o vovô.

“Agora isso si é útil, ” ela disse. “Obrigada Charlie. ”

“Sem problemas, ” vovô disse, e sua voz estava um pouco baixa. Ele parecia estranho.

“O que é mãe?” Seth perguntou. Ele não podia ver porque Jake estava na frente.

“Um novo conjunto de panelas, ” Sue disse a ele. “Nós estávamos meio limitados desde que você quebrou o pegador da última frigideira. ”

“Hey, aquilo foi a Leah! Ela jogou em mim!” Seth disse.

Leah levantou uma sobrancelha. Eu tinha que aprender a fazer aquilo.

“E continuando novamente antes que tenhamos que separar outra briga dos Clearwater, um para a Nessie, ” disse Jake. “Dô seu avô. ”

Eu sorri alegremente quando ele me deu. Minha cabeça se inclinou para o lado enquanto eu o virava nas minhas mãos, sentindo ele. Ela macio e molinho.

“Quer uma ajudinha?” Emily me perguntou.

Eu balancei minha cabeça. Porque ela perguntou isso? Rapidamente, eu tirei a fita adesiva do papel vermelho e abri ele. Dentro, havia um ursinho de brinquedo. Tinha cor de um tronco de pinheiro, escuro e sombrio, com um tecido que era quase branco na barriga. Tinha as patas quase brancas também. Isso era bobo: ursos andavam na lama com suas patas. E de qualquer fora as patas deles normalmente eram pretas. Os olhos do brinquedo eram negro, brilhantes e duros, e tinha um pequeno brilho no canto. Ele sorria, mesmo que os ursos não sorrissem.

“Oh Nessie, não é uma gracinha?” Jake perguntou.

Eu movi a cabeça que sim, mas não tinha certeza. Era um pouco estranho, como se estivesse tentando parecer um urso de verdade, mas não era. Estava mentindo.

“Obrigada, vovô, ” eu disse, me lembrando do que a mamãe disse essa manhã: ‘Nada errado em tornar boas maneiras um hábito. ’

Emily parecia surpresa, eu vi. Ela não achava que eu podia falar. Ou ela não sabia que eu falava. Eu não sabia qual dos dois. Era como a primeira vez que eu encontrei Carmen e os outros vampiros de Denali. Eles ficaram surpresos quando eu falei também.

“Sem problemas querida, ” vovô disse. “Sua mãe disse que você não tinha um ursinho de pelúcia ainda, e toda garotinha precisam de algo fofo para abraçar de noite, certo?”

Foi estranho quando o vovô disse ‘sua mãe’. Ele não precisava. Ele chamava mamãe pelo seu primeiro nome, Bella, e eu sabia que ela se chamava Bella. Mãe e mamãe eram nomes especiais que somente eu poderia chamá-la porque ela era minha mãe.

Eu estava tão ocupada pensando sobre isso que eu quase não notei Embry rindo por trás de sua mão.

“E o último presente é para Charlie, ” disse Jake. Ele disse isso rapidamente, e um pouco nervoso, porque ele encarava Embry. Eu realmente não entendia os adultos.

“Obrigado Jake, ” vovô disse, pegando o presente que nós trouxemos. “E obrigada Bella, Edward. ”

“Sem problemas, pai, ” mamãe disse.

Ela rasgou o papel. Que pena. Era tão bonito, dourado e prateado. “Um sistema sonar Humminbird 931C!” ele leu, e sua voz ficou mais alta no final, como se ele estivesse fazendo uma pergunta. Eu sabia que era por excitação, no entanto. “Com recebedor de GPS! Oh pessoal, é brilhante!”

Vovô já estava abrindo a caixa. Tinham muitos e muitos tecidos e folhas de plásticos com pequenas bolhas e formas brancas para segurar a coisa – seja lá o que fosse – no lugar. A caixa era bem grande, mas a coisa, quando ele puxou depois de um tempo tentando pegá-la, era bem pequena. Era um pouco maior do que um livro de tamanho normal. Vovô na verdade tirou um livro também da caixa, mas não tinha uma capa.

“Ufa, ” ele disse. “Esse é um baita de um manual de instruções. ” E então ele começou a ler.

“E… nós o perdemos, ” Jake disse.

Mamãe riu. “É tão estranho ver ele lendo. ”

“Eu ouvi isso, ” vovô disse, balbuciando. “Sensor de temperatura de pressão barométrica… ”

“Está tudo certo pra você, ” Sue disse. “Não é você que tem que preparar todos os peixes que ele traz pra casa mais. ”

“Ou cheirá-los, ” mamãe concordou.

Sue franziu. “E falando em cozinhar, eu vou checar o repolho, ” ela disse.

“Também vou, ” Leah disse. Eu acho que as duas queriam sair de perto da mamãe e do papai.

Eu peguei o ursinho de pelúcia do meu colo para olhar ele de novo. Era um pouco macio e suave. Eu pensei que talvez eu tenha sim gostado dele na verdade. Afinal, eu estava fingindo ser humana hoje, então esse brinquedo podia fingir ser real. E ele não estava vivo, então não pretendia mentir.

Emily estava me observando. “Eu não sabia que ela podia falar tão bem, ” ela disse. “A voz dela é igual a de uma que já vai à escola. ”

Mamãe chegou para frente para falar com ela um pouco mais quietamente. Ela manteve distância ainda assim, olhando para Sam rapidamente. “Na verdade ela é bem fluente. E ela gosta de ler Tennyson. ”

Emily ficou boquiaberta. Eu ri.

“Sabe, você soa como uma típica mãe se vangloriando no parquinho de diversões, ” Quil disse.

“Você não pode culpá-la, ” Jake disse, afagando uma das minhas tranças.

Papai sorriu. “Nem podemos te culpar por fazer tão bem o trabalho de exibir as virtudes dela à cada oportunidade. ”

“E todos nós já ouvimos o jeito que você fala da Claire, ” Embry adicionou. Ele se afastou um pouco quando a mamãe se aproximou, e seu nariz estava enrugado. Essa sala era realmente muito pequena.

Emily estava ignorando eles. “Porque você não conversa muito então?” Ela me perguntou.

Eu olhei para o papai. Eu não podia dizer que eu estava fingindo ser humana porque então iria parecer muito óbvio que eu não era humana. Ele acenou.

“Charlie não está muito consciente do desenvolvimento mental dela. Por isso, nós dizemos a ela para fingir ser humana quando ela vem por aqui. ”

“Edward!” mamãe disse, olhando em volta.

“Ele não está ouvindo sequer uma palavra do que estamos falando amor, não se preocupe, ” papai disse à ela.

Vovô era a única pessoa que não sabia exatamente sobre vampiros. Eu olhei para o papai e perguntei à ele na minha cabeça se eu podia falar com a Emily devidamente, como eu conversava com todos os outros. Eu gostava da Emily.

“Eu vou perguntar, ” ele me disse, sorrindo. “Você sabe do talento… particular da Renesmee?” Ele perguntou à Emily e Sam.

“Sim, ” disse Sam. “Ainda que, é claro, eu não posso vivenciar isso pelos pensamentos do Jacob mais. ”

“Eu sei em teoria, ” Emily disse. “Mas não posso realmente dizer que entendo.”

“Bem, ” papai disse. Ele soava cuidadoso. “Renesmee estava imaginando se poderia mostrá-lo à você. ”

Sam franziu um pouco. Normalmente seu rosto ficava exatamente o mesmo, muito calmo. Algumas vezes, ele sorria, mas era a primeira vez que ele franzia hoje. Isso era bom. Apenas uma franzida nesse tempo todo que eu o vi; ele não deve ser uma pessoa muito triste.

“Claro, ” Emily disse.

“Emily… ” disse Sam, e ele parecia um pouco preocupado.

“Sam, está tudo bem. Digo, Edward usa seu dom o tempo todo, não usa? Isso nunca fez nada de mal à ninguém. E de qualquer forma você honestamente acha que ela tentaria machucar alguém?”

“Dê à ela um pouco de crédito, ” Jake disse. “Ela faz isso desde dois minutos após seu nascimento, e ninguém ficou maluco ainda. ”

“Funciona bem em mim também, ” Seth disse.

Sam ainda parecia preocupado.

“Não há registros de nenhum talento mental que tenha afetado humanos diferentemente do que a… nós, ” papai disse.

Mamãe observou tudo quieta, e seus olhos ficaram indo e voltando entre Sam, Emily, papai e eu. Eu sorri para ela.

“Certo, ” disse Sam.

Eu ri, e me estendi para tocar o rosto da Emily. Como eu fiz com Carmen, eu deixei ela chegar perto de mim, eu não a toquei na verdade, eu deixei ela encostar em mim. Quando ela fez isso, comecei a mostrar à ela os presentes que ganhei nessa manhã. Ela soltou bastante ar em um suspiro no começo, porque ela ficou surpresa, mas ela não se afastou. Eu mostrei à ela minha Bíblia, meu álbum de fotografias, meu grampo de cabelo e meu CD player primeiro, porque ela não tinha os visto antes, e então eu mostrei meu vestido, meus sapatos e meu casaco antes de eu os vestir, dobrados e arrumados bonitinhos, e então eu mostrei meu medalhão, e meu bracelete.

Quando eu puxei minha mão de volta, ela piscou algumas vezes. “Uau, ” ela disse, e sua voz tinha muito ar nela.

“Bastante para se acostumar, não é?” papai disse.

“O que ela te mostrou?” mamãe perguntou.

“Os presentes de natal dela, ” Emily disse. “Posso ver seu bracelete?” Ela me perguntou.

Eu puxei a manga do meu casaco, para que ela pudesse ver, e então puxei a manga de volta para baixo para que o bracelete ficasse em cima. Parecia bobo ficar com uma manga maior que a outra.

Emily levantou sua mão esquerda. No dedo perto do mindinho havia um anel como meu bracelete, apenas menor, é claro. O dela não erra marrom e vermelho, era azul e verde. Como folhas e céu, grama e o rio, e  musgo.

“Sam me deu esse, ” ela disse, e sorriu para ele. Ele sorriu de volta. Eles se amavam muito, assim como mamãe e papai.

“Certo, o almoço está pronto, ” Sue disse, entrando na sala.

Vovô olhou. “Oh, brilhante. Obrigado Sue. ”

“Impressionante como mencionar comida faz você olhar, ” mamãe disse, rindo um pouco.

“Ou o som da voz da minha mãe, ” Seth disse baixinho para Jake. Eu não acho que a mamãe tenha ouvido.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s